Inovador e sustentável: 9 projetos que transformam Paris

A“Grand Paris”(A Grande Paris) está a caminho, e, para enfrentar os desafios dessa mudança, todo o ambiente urbano está a se adaptar. Os viajantes mais curiosos serão seduzidos por essa metamorfose! Em antecipação, levaremos todos para a descoberta de nove grandes projetos que prefiguram a cidade: “Paris do futuro”. Nas manchetes: inovação e ecologia. Já chegou o amanhã!

Uma floresta no anel viário

Este é um verdadeiro desafio arquitetônico que combina natureza e arquitetura. O projeto "Mil Árvores", localizado na altura de Porte Maillot, se tornará o “pulmão verde” no noroeste de Paris, não muito longe do Arco do Triunfo. Com as suas mil árvores plantadas em todo a área, esqueceremos do periférico enquanto nos protegemos da poluição. Na forma de uma pirâmide invertida que otimiza o espaço no chão, essa construção futurista oferecerá a arquitetura mais intricada.

Um novo ponto de vista panorâmico

No coração de Paris, também, a cidade se movimenta. Nas margens do Rio Sena existe um local ainda desconhecido para o público em geral. Atualmente, são os Ateliers Parisiens d'Urbanisme que ocupam parte dos 40000m² deste edifício. Transformar o patrimônio existente sem distorcer a propriedade são os principais conceitos do projeto "Morland Mixité Capitale". Hotel, escritórios, academia e mercado vão compor o futuro espaço de múltiplas funções. Para os apreciadores das vistas, do alto do edifício, poderemos desfrutar de um panorama de 180 graus sobre a “Cidade da Luz”.

Atividades em destaque

Localizado acima do anel viário, o prédio dedicará 2.500 m² à prática de diferentes modalidades de atividades físicas.
Como uma verdadeira continuidade entre Paris e Vanves, o projeto chamado "De Sport, de Nature et de bois" (Atividades Físicas, Natureza e Madeira) remove as fronteiras entre Paris e seus municípios vizinhos. O grande edifício promete ser um ótimo lugar para conviver e praticar atividades físicas no sul da capital. Na dinâmica da preparação para os Jogos Olímpicos de 2024, a serem realizados em Paris, 2500 m² serão dedicados àesta finalidade. Será uma verdadeira satisfação para os praticantes de atividades físicas!

Reabilitação de Halles Pouchard

Anteriormente dedicado à fabricação de tubos de aço, Halles Pouchard oferece agora uma nova perspectiva. Idealmente localizado à beira doCanal de l'Ourcq, ao norte de Paris, o projeto "Grandes Serres" é uma verdadeira transição entre um antigo uso industrial e um novo espaço comunitário inovador. O edifício abrigará, entre outras, um hotel, um teatro, galerias de arte e restaurantes. Não há dúvida de que os 100.000 metros quadrados deste projeto colossal seduzirão os amantes da cultura e da arquitetura.

"No verde" Porte de La Chapelle

Entre a Porte de la Chapelle e o Parc de la Villette, alocalização de Éole-Évangile forma um vasto triângulo de quase 13000m². Qual o projeto? Transformar este espaço em um novo bairro:um modelo de ecologia urbana e desenvolvimento sustentável. Um princípio que orientará a construção de casas, escritórios, lojas, locais de práticas culturais e atividades físicas. Um grande jardim de 4700 m² aberto ao público também será criado, formando uma passarela entre as diferentes zonas. Aqui, muitos novos passeios saudáveis ao ar livre estão em perspectiva.

"La Fabrique des Cultures" em La Courneuve

Antigas fábricas industriais de caldeiras, o terreno baldio industrial "Babcock", ao norte de Paris, oferece um enorme espaço de 52.000 m² para acomodar o projeto "La Fabrique des cultures” (A Fábrica de Culturas). Sua ambição? Testemunhar o passado e se lançar nas tecnologias do futuro. Reconvertida em espaços culturais, salas de atividades físicas, habitações, espaços comerciais ou escritórios, esteterreno baldio é o catalisador do projeto“Grande Paris” graças à um polo de "Imagem Aumentada". Este é um novo centro de inovação cultural na cidade.

Um local memorável em Romainville

O Fort de Romainville é uma das 16 fortificações que serviu como linha de defesa em Paris no início do século XIX. É em todo o distrito do Forte que começa hoje a sua transformação para um “eco-distrito” com a instalação do projeto "Grand Lilas", que promove a acomodação de diferentes lugares culturais e artísticos. Os entusiastas da história apreciarão a abertura de um museu da Resistência (Musée de la Résistence). No coração de uma área verde e muito acessível por transportes, o projeto "Grand Lilas" reservará um grande espaço para a biodiversidade e para a agricultura. Um novo sopro de ar fresco no nordeste de Paris!

Uma fazenda urbana ao norte de Paris

A vasta localização da capela internacional inicioua primeira fase de obras que abre novas portas de entrada para mercadorias em Paris. A segunda fase da construção visa uma área para salões dedicados à atividades físicas, habitações com vista para o Sacré-Coeur, comércios e, acima de tudo, uma “fazenda urbana” de 7000m² instalada no teto do edifício. Como objetivo, este projeto chamado "Mushroof" promove um atalho para a distribuição de mercadorias para comerciantes do bairro, fornecendo produtos da agricultura fundamentada. Em breve seremos fãs de produtos 100% La Chapelle!

Um paraíso para os empreendedores

Aqui será um polo de negócios do futuro. Em 2030, o imenso terreno de Vitry-sur-Seine, ao sul de Paris, incorporará o modelo da cidade produtiva do século XXI. É nas novas tecnologias digitais que o “Pôle Gare Ardoines” pretende se posicionar com as boas vindas do FabLabs, workshops e eventos 3.0. Tudo em um ambiente de terraços verdes e fachadas cinéticas animadas. Um paraíso para empreendedores conectados!