7 etapas ecorresponsáveis e solidárias para (re)descobrir Paris, pelo The Common Wanderers

A Cidade da Luz é conhecida por muitas coisas: a sua impressionante arquitetura, o seu romantismo, a sua deliciosa cozinha e o seu genuíno interesse pela cultura. Pode não ser a capital imediatamente associada à sustentabilidade, mas as coisas estão a mudar rapidamente, pois a cidade de Paris pretende reintroduzir a natureza na vida quotidiana e fazer de Paris a cidade mais verde da Europa até 2030.

Entre quintas urbanas, moda ecológica inovadora, plataformas de lojas sustentáveis e cafés vegetarianos, Paris está tão cheia como nunca de novos lugares ecológicos que valem definitivamente a pena visitar. Apresentamos-lhe sete das novas iniciativas ecológicas de moda para que possa acrescentar à sua próxima passagem por Paris e descobrir como a Cidade da Luz enfrenta os desafios da sustentabilidade.

#1 Explorar a cidade em duas rodas

Paris é tão bonita que não vai querer perder nada. Esqueça as carruagens de metro superlotadas e os táxis. Monte uma scooter elétrica e explore a cidade de forma eficiente, limpa e divertida. Também há trotinetes elétricas e bicicletas disponíveis em quase todas as esquinas, inúmeras ciclovias e espaços verdes, tais como a Coulée Verte.

Vai sentir-se como um flaneur moderno enquanto percorre a toda velocidade as ruas saídas de um postal com um aroma delicioso a pão acabado de cozer.

2# Visitar a natureza urbana e comer em Perchoir Porte de Versailles

Os telhados de zinco cinzento que coroam os edifícios em branco creme de Paris são emblemáticos da cidade, mas hoje destacam-se por algo ainda mais surpreendente: a agricultura urbana.

No telhado da Expo Porte de Versailles de Paris, a um passo da Torre Eiffel, Nature Urbaine (Link externo) (NU) é a maior quinta urbana do mundo num telhado. Com uma superfície de mais de 15 000 metros quadrados, este projeto demonstra que é possível cultivar produtos ecológicos frescos no coração da capital.

Nestes jardins verticais, cultivam-se mais de 30 variedades de frutas e legumes para abastecer, entre outros, o restaurante da moda Le Perchoir, situado no mesmo lugar, enquanto 150 áreas de cultivo foram alugadas a parisienses que querem aprender sobre agricultura.

Ofereça-se uma visita guiada à Nature Urbaine, inscreva-se num workshop ou faça uma aula de ioga. Isto vai-lhe aguçar o apetite e tudo o que tem de fazer é ir até ao bonito Perchoir para desfrutar de uma deliciosa refeição feita com ingredientes cultivados no lugar.

#3 Descubra a moda inovadora na Caserne

A indústria da moda, no seu conjunto, poderá ser lenta a adaptar-se à sustentabilidade, mas uma nova plataforma está a liderar a revolução a partir do distrito 19 de Paris, um bairro promissor. Inaugurada no final de 2021, La Caserne (Link externo) é a maior incubadora de moda sustentável da Europa. Oferece workshops e apoio às jovens marcas ecológicas para se reunirem e desenvolverem em conjunto, aluga estúdios e facilita o acesso às principais marcas, agências e eventos do setor.

La Caserne também oferece visitas guiadas, o restaurante vegetariano da moda Ora e inclusive o seu próprio clube na adega para um copo à noite.

4# Um jantar de cruzeiro a bordo de um barco elétrico Ducasse sur Seine

Um cruzeiro com jantar pelo Sena rodeado pelas luzes da cidade é uma das experiências mais encantadoras que se pode viver em Paris. Agora, pode experimentar esta magia de forma ecológica graças ao barco Ducasse sur Seine (Link externo) , uma ideia original do famoso chef francês Alain Ducasse.

A sua filosofia baseia-se numa cozinha sustentável que une as pessoas, mas também com o mundo à sua volta. Como o Ducasse sur Seine é totalmente elétrico, poderá desfrutar do seu delicioso jantar de cinco pratos marinados com vinho sem culpas, pois esta experiência de luxo foi concebida para produzir o mínimo possível de poluição e emissões.

#5 Visita à La Recyclerie

No coração do distrito multicultural e vibrante de Porte de Clignancourt, La Recyclerie (Link externo) é um dos locais mais cool e ecléticos de Paris. La Recyclerie, uma antiga estação ferroviária transformada num próspero terceiro lugar (ou seja, um lugar que não é nem casa, nem trabalho), é um café acolhedor e moderno, uma plataforma de reciclagem e um centro educativo onde pessoas de todos os estratos sociais se encontram para discutir questões de desenvolvimento sustentável.

Ao longo dos antigos carris do comboio, descobrirá projetos de agricultura urbana e iniciativas ambientais circulares (assim como animais adoráveis!), enquanto, no interior, o café acolhedor e agradável oferece uma cozinha expressiva, na sua maioria vegetariana, elaborada com ingredientes locais da estação. É realmente o tipo de lugar onde se pode ficar durante horas sem ver o tempo a passar!

#6 Sobrevoar Paris num balão

Para além de oferecer uma vista deslumbrante sobre Paris, Ballon Generali (Link externo) é um laboratório flutuante que desempenha um papel importante na medição diária da qualidade do ar da capital.

Ao flutuar a 150 metros acima de Paris, com uma vista aérea da Torre Eiffel, este balão cativo cheio de hélio analisa dados complexos sobre o ar à sua volta.

A cada duas ou três horas, um tecido fotovoltaico preso ao revestimento do balão muda de cor, por exemplo de azul (“bom”) para vermelho (“mau”), para que os parisienses possam saber a qualidade do ar em tempo real. O voo dura 10 minutos. Uma vez em terra, recomendamos-lhe um passeio pelo bonito Parque André-Citroën.

#7 À descoberta da cozinha francesa vegetariana

A cozinha francesa não está realmente adaptada aos vegetarianos, mas os inúmeros restaurantes vegetarianos e veganos que abriram em Paris nos últimos anos mostram que é possível combinar a gastronomia com a cozinha baseada em vegetais.

Os nossos favoritos são l'Abattoir Végétal (Link externo) (o seu famoso risoto de trufas veganas é delicioso), Maisie Café (Link externo) para um snack vegan rápido e Le Potager de Charlotte (Link externo) , um dos primeiros e melhores restaurantes veganos de Paris.

Paris 

Ir mais
longe