5 minutos para saber tudo sobre o vinhedo da Alsácia

Inspiração

Alsácia e LorenaGastronomia e VinhoA dois

Os vinhos brancos alsacianos, vistos pela ilustradora Mathilde Bel
© Mathilde Bel - Os vinhos brancos alsacianos, vistos pela ilustradora Mathilde Bel

Tempo de leitura: 0 minPublicado em 10 novembro 2017

Gosta de aldeias floridas, ruelas pitorescas com belas casas de enxaimel, encostas com vinhas a perder de vista... Venha conhecer o vinhedo da Alsácia! Só precisa de 5 minutos…

A vinha é protegida pelos castelos

Um castelo no meio das vinhas
© Mathilde Bel - Um castelo no meio das vinhas

Graças à sua localização junto à fronteira, a Alsácia ocupou sempre uma posição estratégica nas conquistas de territórios. Os inúmeros castelos que dominam a região são prova de uma história agitada. Entre ruinas famosas e magníficos monumentos renovados, a rota dos vinhos da Alsácia é uma bela viagem no tempo.

Caves intramuros

Um muro e um portão alto para proteger os vinhos
© Mathilde Bel - Um muro e um portão alto para proteger os vinhos

A maioria das vinhas fica, em geral, fora das aglomerações, mas na Alsácia, as caves estão abrigadas dentro de aldeias fortificadas. Assim, estavam protegidas dos atacantes e a terra ficava reservada à plantação de vinha. As casas vinhateiras apresentam uma arquitetura única. Possuem uma entrada grande decorada que nos leva até um átrio, que por sua vez dá acesso aos vários edifícios do domínio. Elas conferem um encanto irresistível às aldeias alsacianas...

Um vinhedo branco

Pinot gris, muscat, gewurztraminer... os brancos da Alsácia
© Mathilde Bel - Pinot gris, muscat, gewurztraminer... os brancos da Alsácia

A Alsácia é um eldorado dos grandes vinhos brancos, que representam 90% da produção da denominação de origem. Em função dos territórios e dos métodos de vinificação, as 8 castas brancas autorizadas (sylvaner, gewurztraminer, pinot blanc, riesling, muscat, pinot gris, chasselas, auxerrois) exprimem, com alguma complexidade e frescura, uma palete rica de sabores.

A casta é a rainha

Quatro garrafas alsacianas, quatro castas
© Mathilde Bel - Quatro garrafas alsacianas, quatro castas

O nome das castas é destacado nas etiquetas das garrafas esguias típicas, características da denominação de origem. Os vinhos da Alsácia divulgam as suas castas e têm toda a razão! Talvez porque os vinhos são produzidos a partir de uma única casta. Talvez porque refletem a identidade da região... A Alsácia possui uma grande variedade de castas autóctones, pouco presentes nos outros vinhedos franceses, que se afirmam com carácter em aromas extraordinários.

Os grandes vinhos gostam das alturas

A rota dos vinhos da Alsácia por entre as colinas
© Mathilde Bel - A rota dos vinhos da Alsácia por entre as colinas

A Alsácia possui 51 Grands Crus situados nas encostas íngremes das colinas dominadas pelos Vosges, entre 200 e 400 metros de altitude, proporcionando paisagens grandiosas. Estes locais rigorosamente delimitados oferecem condições excecionais às uvas e são um paraíso para os amantes da natureza.

Sensações variadas

Um escanção aprecia a diversidade dos vinhos alsacianos
© Mathilde Bel - Um escanção aprecia a diversidade dos vinhos alsacianos

Entre brancos, rosés, tintos, aveludados ou licorosos (vindimas tardias, seleção de uvas nobres), bolhas finas (cremosos), a Alsácia oferece uma grande diversidade de vinhos que demonstram o conhecimento dos vinicultores e a riqueza do território.

Os vinicultores são alegres e simpáticos

Um vinicultor alsaciano recebe-o à entrada da aldeia
© Mathilde Bel - Um vinicultor alsaciano recebe-o à entrada da aldeia

A rota dos vinhos da Alsácia é uma das mais antigas de França, com 170 km. Os vinicultores gostam de receber os visitantes e falar sobre o seu trabalho. Ao longo do ano, as aldeias vinícolas celebram as famosas Festas do Vinho.

As especialidades culinárias são deliciosas

À mesa: a chucrute alsaciana com um copo de riesling
© Mathilde Bel - À mesa: a chucrute alsaciana com um copo de riesling

A gastronomia alsaciana é conhecida em todo o mundo. Chucrute, baeckeoffe, flammekueche, kougelhopf, spätzle... a região possui especialidades com nomes, por vezes, complicados, mas muito saborosas!

A Alsácia tem mais do que vinhas para descobrir, é uma autêntica viagem dos sentidos.

E ainda...

  • Início de junho, participar num "Piquenique com o vinicultor".
  • Descobrir uma das aldeias mais floridas de França: Eguisheim.
  • Encontrar as mulheres dos vinhos da Alsácia: as diVINes da Alsácia.
  • Compreender a vida na Idade Média: o castelo de Haut-Koenigsbourg.
  • Descobrir as receitas das especialidades culinárias alsacianas: "Secret d’Alsace".

Por La WINE-ista

Redatora de vinha & vinho, bloguista, vinicultora.

Ver mais